AMADA AMANTE DOS VERSOS
Sou borboleta, sou metamorfose; sou quase perfeita... sou osmose. Sou Madalena de Jesus.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


RONDEL DO AMANHECER

Aos primeiros raios da aurora
Beijo um suave rosto dormindo
Lembro como se fosse agora 
Que ao pensar me vejo sorrindo...

Ao som do vento o dia vem vindo
não há mais noite só o agora
Aos primeiros raios da aurora
Beijo um suave rosto dormindo.

E como sempre eu sonhadora
E ele a dormir preferindo
Mas nada mais é como outrora
Sonho indo e vida seguindo
Aos primeiros raios da aurora.


*Madalena de Jesus*

 

 
RONDEL:=> É uma composição
de duas quadras e uma quintilha.
 Com rimas ABAB/BAAB/ABABA
Os dois primeiros versos da 1ª Quadra
são os 2 últimos da 2ª quadra;
E o último verso do poema
é o 1º verso da 1ª quadra.
A métrica (=sílabas poéticas)
não é rígida, pode de
7 ou 8 sílabas poéticas.
Maria Madalena de Jesus Gomes
Enviado por Maria Madalena de Jesus Gomes em 16/12/2019
Alterado em 07/01/2020
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários